PRÁTICAS (TRANS)COMUNICATIVAS CONTEMPORÂNEAS: UMA DISCUSSÃO SOBRE DOIS CONCEITOS FUNDAMENTAIS

Maria Inêz Probst Lucena, André Marques do Nascimento

Resumo


O objetivo deste artigo é apresentar e problematizar dois conceitos considerados pertinentes para a compreensão das práticas comunicativas contemporâneas, considerando-se os efeitos dos processos de globalização. Desta forma, são abordadas as concepções de práticas transidiomáticas e translinguagem, com especial ênfase em suas motivações epistemológicas; seus escopos de abrangência empírica, ilustradas com exemplos de práticas comunicativas geradas em cenários de complexidade; bem como as possíveis convergências e divergências entre essas concepções. Argumentamos pela validade destas concepções que, em complementaridade, possibilitam maior acuidade na compreensão de práticas comunicativas híbridas, complexas e criativas na realidade linguística contemporânea. 

 


Creative Commons License 
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.


Palavras-chave


Concepções de língua(gem); Globalização; Práticas Transidiomáticas; Translinguagem; Language conceptions; Globalization; Transidiomatic Practices; Translanguaging

Texto completo:

PDF/A


DOI: https://doi.org/10.18309/anp.v1i40.1014

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2016 Revista da Anpoll

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.