ENTRE A MEMÓRIA E O DESEJO DAS CIDADES INVISÍVEIS: A CENOGRAFIA DO DISCURSO LITERÁRIO

Ernani Cesar de Freitas, Fabiane Verardi Burlamaque, Débora Facin

Resumo


A temática deste artigo propõe o pensar e o produzir inovação na área dos estudos literários. O objetivo foi analisar a(s) cenografia(s) da obra As cidades invisíveis, de Calvino, a(s) qual(is) se constroem de forma não linear, mediante o reconhecimento que o hipertexto se faz presente em um escrito impresso, utilizando conceitos sobre cenografia (MAINGUENEAU, 2006) e hipertexto (LÉVY, 2009;  LÉVY, 2010). O estudo mostra que é preciso repensar o convencionalismo utópico de que o texto literário se sustenta na linearidade

Palavras-chave


Cidades invisíveis. Cenografia. Hipertexto. Inovação. Literatura

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18309/anp.v1i35.655

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.