ESCRITURA, MEMÓRIA E ASSOCIAÇÃO: PROCESSOS DE CRIAÇÃO DE POEMAS POR ALUNOS RECÉM ALFABETIZADOS

Eduardo Calil

Resumo


A partir da Genética Textual e da Linguística da Enunciação, este estudo analisa dois processos de criação de poemas escritos por duas díades de alunos recém alfabetizados, em contexto de sala de aula. A análise das filmagens destes processos identificou tipos de relações associativas (Saussure, 1987; Suenaga, 2004) feitas pelos escreventes e o modo como estas relações e articulam com os conteúdos recuperados da memória de cada um. O processo co-enunciativo sugere a formação de redes associativas que indicam a gênese da escritura destes poemas. 

Palavras-chave


escola, produção de texto, autoria, criatividade, poesia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18309/anp.v1i36.681

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.